“Fortune Cookie?”

Eu pergunto só para ter certeza, esperando que eu tenha escutado errado.

“Sim, isso mesmo. Fortune Cookie, do BNK48.”

Nadia repete, propositalmente dando ênfase em cada sílaba. Tudo bem, eu estou certo de que ouvi correto dessa vez. Eu tento manter uma cara séria enquanto me viro lentamente para fazer contato visual com a Chefe Nok que está sentada do meu lado, esperando que talvez ela esteja compartilhando as mesmas emoções que eu.

Surpreendentemente, ela está atenta, escutando a sugestão de Nadia.

“Uh… tem algum outro plano? Essa é só a primeira opção, certo?”

Eu tento rejeitar a ideia perguntando por alternativas. Mantendo-me otimista. Talvez Nadia tenha preparado dez planos e talvez esse seja só o primeiro de muitos.

“Por quê? Você não gota das garotas fofas do BNK?”

Nadia inclina sua cabeça curiosamente.

“Eu gosto das meninas do BNK. Mas gostar delas e fazer um cover com dança de uma música, são duas coisas completamente diferentes. Especialmente quando isso significa performar na festa de cem dias, vestido que nem elas, ainda por cima. Eu te disse para me ajudar a criar uma apresentação para o pessoal de medicina interna, eu não criar um desastre!”

Tá certo… a apresentação para o Departamento de Medicina Interna que o Nadia prometeu me ajudar a produzir acabou se tornando um cover com dança para a música “Fortune Cookie” do BNK48. Nadia me disse que precisava de um tempo para pesquisar e então desapareceu por três dias, eu esperava que ele fosse aparecer com algo mais sensato.

“Tem uma razão pra isso, Tawan.”

Nadia insiste. Mas eu fecho a cara. Tem alguma razão que explique o porquê eu tenho que dançar Fortune Cookie?

“Que razão é essa? Me diz.”

“Okay, olha, um show precisa ter um tema. Precisa ter alguma coisa que será o ponto de venda.”

Enquanto isso, ele saca de seu bolso o celular e abre o aplicativo Keynote, me mostrando uma apresentação de slides que ele tinha preparado de maneira elaborada. O título era “Porque você deve dançar Fortune Cookie”

…Agora eu sei, ele sumiu por três dias para preparar essa apresentação. Ai meu Deus, Nadia!

Uh, ele já fez os slides, então é melhor eu dar uma olhada. Eu quero saber se tem uma razão válida do por que eu e meus colegas do departamento devemos dançar e fazer o cover de Fortune Cookie para a festa de cem dias. Eu me viro e olho para a Chefe Nok. Ela continua ouvindo atentamente.

“O ponto de venda tem que ser único, pois se você não for único, isso significa que você terá um rival.”

Nadia começa com o primeiro slide, mostrando dez manchas com cores diferentes.

“Essa imagem tem dez pontos com dez cores diferentes. Escolha uma que você goste. Chefe Nok, por favor, você também escolha um.”

Nadia assente para nós dois.

“Uh… eu escolho o azul céu.” Eu faço a escolha.

“Eu escolho o rosa.” Chefe Nok escolhe o outro borrão.

“Por que você escolheu o ponto azul, Tawan?” Nadia pergunta.

“Por quê? Porque eu gosto da cor, é claro.” Eu respondo.

“Eu gosto de rosa, então eu escolhi o rosa.” A chefe responde sem esperar pela pergunta de Nadia.

“Aha okay. Agora olha só isso.”

Nadia pula os próximos dois slides e me mostra uma nova página. Parece igual, tendo dez pontos, porém só nove cores. Tem duas manchas de azul com diferença de intensidade de cor entre elas.

Uma delas parece alegre, a outra parece mais… séria, eu acho.

“Agora, Tawan, qual você escolhe?”

“Um…” eu paro para pensar. “A mais escura, eu acho. Parece mais séria.”

“Quando você escolheu, o que te levou a fazer essa escolha?” Nadia pergunta.

“Bom… eu gosto de cores azuis, mas quando tem dois tons de azul, eu comparo os dois e escolho o que mais gostei… Tipo isso. O que isso tem a ver com o cover de Fortune Cookie? Eu estou muito confuso.”

“Tenha paciência, eu estou tentando te explicar.”

Ele volta para o primeiro slide com as dez manchas de cores diferentes.

“Quando tinha dez pontos com dez cores diferentes, você escolheu a que mais gostava em apenas um passo, certo?” Eu assinto respondendo. “Mas quando havia dois pontos azuis, sua decisão precisou de dois passos. Primeiro você escolhe a cor que você gosta então você considera entre essas duas e escolhe a que você gosta mais.”

Nadia coloca seu telefone sob a mesa com a tela para baixo.

“É a mesma coisa com o ponto de venda.”

“A decisão dos jurados não leva em consideração se a apresentação foi boa, eles escolhem as que eles gostam mais. E se eles gostam ou não, é decidido pelo ponto de venda. Se o seu show tem um ponto de venda único, e os jurados gostarem, eles vão te escolher como vencedor.”

Eu olho para a Chefe Nok e ela está assentindo em concordância.

“Mas se a sua apresentação tiver o mesmo ponto de venda que os outros, vai ter um segundo round de competição dentro da cabeça dos jurados. E qual é melhor será difícil de decidir, então não tem garantia de quem irá ganhar ou perder. Por que a gente arriscaria ir para dois rounds de julgamento quando podemos conseguir isso só com um? Tudo o que temos que fazer é apresentar um elemento único.”

“Certo, eu concordo com o Nadia. Você fez uma ótima pesquisa.”

Chefe Nok faz o comentário acompanhado de palmas altas. Honestamente, Nadia tem um ponto válido, e eu concordo. Mas lá no fundo, eu começo a me preocupar, porque se a Chefe demonstrou toda essa aprovação, significa que eu terei que dançar essa música Fortune Cookie dirigido pelo Nadia. Ah não, não, nãããoooooo.

“Portanto, vamos ver os pontos de venda dos outros departamentos.”

Nadia abre a apresentação em seu celular de novo e passa os slides até chegar no tema “Competidores” e os primeiros da lista são “Os Ortopedistas” para ortopedia cirúrgica.

“Os residentes de ortopedia usam sua beleza e sensualidade. Eles continuam usando esse mesmo ponto de venda todo ano, e continuam ganhando também. Então nem pensem em usar isso, gente. Fora de cogitação.”

Nadia toca em seu celular e um grande X vermelho aparece.

O próximo slide da lista “Anestesistas” para o departamento de Anestesiologia.

“Todo mundo sabe que os residentes anestesistas estão sempre fabulosos. Esse ano eles estão bonitos e ferozes.”. Ele toca a tela de novo, aparecendo um grande X vermelho. “Então você não pode vender nem beleza e nem ferocidade. Você não irá ganhar.”

Francamente… eu não sei o que ele quis dizer com essa “ferocidade”. Eu entendi beleza, e sei que esse não é um ponto que a gente possa considerar. Quando eu penso nos rostos dos meus colegas em treinamento no meu departamento, isso realmente não é uma opção.

“Próximo, piadas.”

Nadia muda para o próximo slide que lista “Cirurgia”.

“Só de apenas ver esses residentes subindo no palco já é o suficiente para fazer as pessoas darem risada. Sabe o que eu estou querendo dizer? Esse ano eles estão em sua melhor forma. Eles podem chegar e ficarem mudos, que o pessoal vai continuar rindo. Então ter como ponto de venda piadas não é uma opção para nós.” Nadia clica em seu celular para aparecer outro X vermelho.

“Esse não. Próximo” Ele passa e mostra “Psiquiatras” em seu celular.

“Eles vendem habilidades de desempenho. Eles são do tipo artistas.”

“Os residentes de psiquiatria são habilidosos, eles têm uma melhor facilidade com artes. As vezes eles apresentam opera e as vezes uma banda de orquestra. Eu ouvi que eles estão planejando um musical para esse ano. Então se você competir contra eles como se fosse para o Thailand Got Talent, você vai perder desde o processo de produção. Portanto…”

Mais uma vez, Nadia toca no telefone e marca o X vermelho.

“Nós não podemos competir com talento. Fora.”

Uh… nós não podemos vender sensualidade, beleza, comédia ou talento… o que a gente não tem em primeiro lugar. O que mais o meu departamento pode vender?

Até esse ponto, eu estou quase sem ideias sobre o que nos sobrou. Mas Nadia ainda não acabou.

“Próximo.” A imagem nesse slide diz “Pediatras”

“Meu departamento. Eu não vou me juntar a eles.”

“Nadia, qual o ponto de venda do seu departamento?” eu pergunto.

“Constrangimento, eu acho.” Ele dá de ombros e transforma seus lábios em um sorriso irônico típico dos grandes vilões.

“Meu departamento vai apresentar uma miscelânea. Uma mistura de todos os ingredientes: sensualidade, beleza, ferocidade e comédia, tudo em um. Parece maravilhoso, não é? Mas isso significa que eles não têm um ponto de venda único. Eles não se sobressaem em nenhuma dessas categorias. No fim, essa miscelânea é uma receita hibrida de falhas. Portanto, eles estão vendendo constrangimento.”

Nadia toca na tela de seu celular e dessa vez aparecem três grandes X vermelhos de uma vez só.

“Não sigam os passos deles. Esse é meu aviso. Mas isso não é necessário, porque a apresentação que eu preparei para vocês não será constrangedora jamais.”

Ele vai até o último slide e lê “Medicina Interna” e toca na tela de novo para mostrar uma palavra grande e verde “Tendência”.

“Nosso elemento principal será tendência? Sério?”

Eu pergunto e ele assente.

“Correto! Nós seguimos a tendência. Agora as garotas do BNK48 são o assunto da cidade. Isso é tendência. Você não pode ir por nenhum outro caminho, ser bonitão, atraente, sexy, engraçado, talentoso ou até mesmo constrangedor, todos já foram escolhidos. O único que sobrou é seguir a tendência. Tudo o que for tendência é popular, então nós podemos usar.”

“Uh… se você quer vender uma tendência usando algo que as pessoas estão falando, vamos tentar The Face, que tal? Nós podemos imitar The Face All Stars. É popular também.”

Eu tento desesperadamente sugerir uma alternativa.

“Droga, Tawan. Você quer imitar o The Face? Hello, planeta Terra chamando, olhe para seus colegas residentes primeiros. Carinha bonita? Talvez. Mas a altura? Vocês não são altos, né! E eu to falando de você também. Se vocês performarem The Face, as pessoas vão perguntar se vocês estão procurando por modelos ou se são membros do grupo de viagem para Mordor para destruir o anel.”

Aaaiii! Essa doeu. Doeu muito! Nadia você é meu melhor amigo. Mas por que teve que esfregar isso na minha cara com tanta força? Aquela resposta me calou completamente. Eu nem me atrevo mais a fazer sugestões, então eu olho para a Chefe Nok, caso ela tenha algo para disputar ou uma alternativa para nos apresentar para nos livrar do cover de Fortune Cookie.

“Eu acho…” Ela começa. “Que esse é o plano.”

Então ela bate palmas altas em suas coxas. ”Que legal, Nadia! Que análise profunda. Eu concordo. Eu compro sua ideia! Vamos começar a treinar.”

“Espera, o quê? Chefe, você está falando sério?”

Fica parecendo que eu sou o esquisitão. Chefe Nok e Nadia se entenderam muito bem e parecem prontas para chamar todo mundo e começar a treinar.

“Tawan, a analise do Nadia é completamente precisa. Parece que o cover de Fortune Cookie é a melhor opção que nós temos agora. Pelo menos não vamos ficar em último lugar.”

A Chefe me toca no ombro como se quisesse oferecer consolação, mas eu sinto como se fosse uma extorsão.

“Não se preocupe, Chefe Nok. O último lugar pertence ao meu departamento, com aquele show de confusão!”

Nadia revira seus olhos antes de declarar uma garantia, “Eu vou ser o instrutor de dança deles. Seus residentes do primeiro ano vão ganhar alguma coisa C-O-M C-E-R-T-E-Z-A.”

“Okay Tawan.” Ele se vira para mim.

“Você pegará o papel da Miss Mobile. Ficará no centro.”

“O quê???!!!”

“Nós não precisamos achar outra pessoa. Eu escolho você para dançar como a Mobile.”

Espera, espera, o quê?

Okay, eu sei que não posso evitar dançar essa música, mas achei que fosse ficar lá na fila de trás e ninguém iria notar meus erros, pois não estaria em destaque. Mas Nadia me quer no centro, o que significa que eu tenho que ficar no centro e na frente.

“Você não pode ficar no meio? Então nós podemos assistir e copiar sem errar. Não seria melhor assim?”

“Não, Tawan. Eu não posso. Vou dançar como capitão Cheprang.”

“Mas, Nadia! E se eu dançar errado? Eu estou com medo”

Esse é meu medo. Eu nem conseguia fazer a pequena sequência de exercícios aeróbicos corretamente na escola primária. E agora, é uma música comprida com uma coreografia complexa. Eu estou perdido.

Nadia toca meu ombro, me olhando com o máximo de simpatia. Eu me sinto aliviado e penso que ele trocará as posições e me deixará ficar lá atrás.

“A solução é tão simples, Tawan.” Ele aperta meu ombro com firmeza.

“Apenas não dance errado. Vamos, vamos treinar.”

Ah, não. Pobre de mim!!!!!!

………….

21:45

Na verdade, não foi um caso difícil hoje. Eu terminei de passar o relatório dos pacientes para o próximo turno antes das seis. Não teve nenhum outro caso e não precisei ficar de plantão. Mas tive que ficar e praticar a coreografia de Fortune Cookie. Pior ainda, Nadia estava todo sério sobre isso. Ele saiu de seu departamento para perguntar no Departamento de Medicina de Reabilitação para usar sua sala de exercícios que é equipada com uma parede de espelhos como se fosse um estúdio de dança.

Primeiramente, eu esperava que meus colegas fossem parecer relutantes e hesitantes para dançar. Mas todos eles pareceram estar em êxtase durante o ensaio. Portanto, eu fui o único diferente que não gostou da ideia.

Francamente, eu gosto dessa música. Mas gostar e dançar são duas coisas diferentes. De qualquer forma, é muito tarde para mudar os planos, pois todo mundo já decorou metade da coreografia. Enquanto eu, na minha posição central de obrigação, continuava tropeçando no próprio pé durante os primeiros versos da música.

Eu demorei tanto para começar a dançar bem o suficiente no primeiro verso para Nadia me deixar ir embora, já tinha passado das nove e meia. Eu disse a ele que meu namorado estava me esperando no condomínio, então ele nos liberou, mas com uma condição: nós teríamos que treinar sozinhos e nos reunir novamente amanhã à noite… Honestamente, se eu soubesse que teria que passar por tudo isso durante meu treinamento de especialidade, eu não teria retornado.

Eu continuo reclamando na minha cabeça enquanto ando em direção a estação Skytrain no cruzamento com a estação de moto táxi. Eu olho ao redor, secretamente desejando encontrar o mesmo piloto. Talvez tanta coincidência seja impossível. De qualquer maneira, encontrar qualquer moto taxista nesse horário seria quase impossível também. Eu só quero me apressar para chegar logo no condomínio do Por, depois no chuveiro e depois na cama, e então ir dormir o mais rápido possível.

Mas nossa… O mesmo cara ainda continua lá.

Ele está olhando para baixo na tela do seu celular, com fones de ouvido. Eu me aproximo e ouço ele alegremente cantando e murmurando. Eu sinto que a melodia e a letra são um pouco familiar, mas não consigo reconhecer o som.

“Hey, senhor Moto taxista.”

Eu tento chamar ele suavemente, mas não funciona. Ele continua olhando para seu celular cantarolando a musica.

“Senhor Moto taxista. Senhor!”

Eu aumento meu volume, mas ele continua não me ouvindo. Eu acho que ele está escutando no volume máximo e minha voz não consegue ultrapassar o som em suas orelhas, não importa o quão alto eu grite.

Eu decido ir até seu lado e puxar a barra de seu uniforme.

“Senhor. Hey. Senhor Moto taxista!”

Ele dá um pequeno pulo e tira os fones de sua orelha puxando-os pelo fio. “Oi, ah. Olá, Senhor Doutor.”

Eu ouço a música “Let Me Take Care Of You” de Namm Ronnadet em seus fones. Ele para a música rapidamente.

“Você está voltando tarde, Doutor.” Ele dá um sorriso pretensioso, mostrando seu canino em um lado da boca e coça sua cabeça de maneira tímida.

“Viu, a música estava muito alta, isso vai prejudicar seus ouvidos. Você nem conseguiu me ouvir.”

“Ah… hahah, é, eu estava viajando nos meus pensamentos um pouco, doutor. Olhando o facebook da minha ex.”

”Por quê? Você está sentindo falta da sua ex?” Oh, depois de perguntar, eu então percebi que não devia estar metendo o nariz na vida pessoal dele. Nós nem nos conhecemos. Minha intromissão pode chateá-lo e isso pode causar problemas.

Felizmente, ele não parece bravo. Ele apenas vira para mim e me dá uma resposta murcha.

“Bom… eu acho que só estava pensando nela, não sentido falta, doutor.”

Ele então despluga os fones de ouvido de seu celular antes de enrolar e colocá-los em seu bolso.

“O quê? Pensar e sentir falta são duas coisas diferentes?”

“Claro que são doutor. Pensar sobre quer dizer que a pessoa só passou pelos meus pensamentos. Mas sentir falta significa que tem um sentimento de querer a pessoa de volta ao meu lado.”

“Ah, entendi…” eu assinto e penso na frase “só passou pela minha mente.” Talvez seja isso.

“Então você só estava pensando nela, tipo só pensando, mas não quer que ela retorne.”

“Bom, nós estivemos juntos por quatro anos inteiros. É natural pensar no passado. Você não pensa no seu ex às vezes, doutor?”

Eu balanço negativamente minha cabeça. “Hah! Esses que apenas passaram na minha vida não contam. Esse é meu primeiro relacionamento sério.”

Ele assente devagar, um olhar de espanto surge em seu rosto.

“Oh, wow… só agora você conseguiu o seu primeiro relacionamento sério. Agora, me de uma resposta sincera… você ainda é virgem? HAHAHAHAH!!”

Eu dou um tapa em seu ombro como reflexo.

“Seu pervertido! Eu não vou te dizer!”

Ele ri ainda mais alto. “Admita que você ficou envergonhado com a minha pergunta. Okay, vai para o mesmo condomínio, não é Doutor?” terminando de perguntar ele me entrega o mesmo capacete da última vez.

Eu pego. “Sim, claro. Eu só tenho um namorado, é o mesmo cara, então há de ser o mesmo condomínio. Que coisa estranha de se perguntar.” Eu sento na garupa, uma mão segurando a barra de apoio e a outra mão ao redor do braço, na articulação do ombro como de costume.

“Okayyyy, doutor. Segura firme, que eu vou acelerar.”

“Não, droga! Sem acelerar. Eu estou com medo!”

“Então se segura firme pra não cair.”

Em menos de três minutos, ele chega e me deixa na frente do condomínio do Por.

“Aqui, trinta baht.” Eu pago a corrida e tiro o capacete para devolvê-lo. ”Ah, e…”

“O que mais, doutor?” ele continua com seu capacete, mas o visor está levantado, então eu consigo ver seu olhar curioso.

“Eu gosto daquela música também, Let Me Take Care Of You do Namm Ronadet.” Eu aponto para seu celular que está preso a sua cintura. Ele sorri entusiasmado. “É a música favorita do meu tio e do meu tio mais novo. Eles vivem cantando isso pela casa, acho que grudou na minha mente. Eu preciso ir agora, tenha bons sonhos, doutor.”

“Tenha bons sonhos você também, senhor Moto taxista.”

E ele se afasta indo embora.

Bom, isso é estranho.

Eu não estou dizendo que ele é estranho. Quer dizer, nós dois somos estranhos. Eu fui passageiro dele algumas vezes e agora estamos conversando como se fossemos amigos, mas ainda não sei o nome dele. Da próxima vez eu vou perguntar assim nós podemos parar de usar o Senhor Moto taxista e Senhor Doutor.

………………………….

Então, chega o dia da festa de cem dias.

“E o vencedor do prêmio de primeiro lugar do concurso de comemoração de cem dias é… ortopedia cirúrgica com a performance Strip That Down!!!”

Eu reviro meus olhos sentido anti-horário e encontro o olhar com Nadia que está fazendo a mesma coisa, porém no sentido horário. Nós estamos sentados um do lado do outro para ouvir os vencedores do concurso da festa de cem dias.

Não é surpresa que o departamento de ortopedia seria o vencedor, considerando os altos gritos (dos jurados) que nós ouvimos quando eles apareceram com a música Strip That Down. Nós sabíamos que eles definitivamente pegariam o primeiro lugar.

“Por favor, mandem um representante para vir receber o prêmio. Uma TV de plasma de 42 polegadas e um console PS4 Pro pra vocês.”

O anunciador dá ênfase em cada palavra. Nossa, eu estou ficando verde de inveja. Mas meus olhos passeiam para o lado do palco e veem o refrigerador… Bom, nós não fomos tão mal assim. Pelo menos nós conseguimos o terceiro lugar, ganhando o refrigerador que a gente queria, e também uma cesta de ovos frescos.

Sim, o nosso cover desajeitado de Fortune Cookie ganhou o terceiro lugar no concurso! Chefe Nok está sorrindo de orelha a orelha, mesmo sendo apenas o terceiro lugar. E honestamente, nós estávamos de olho na geladeira desde o começo. Ter ficado em terceiro lugar não importa. Contando que a gente ganhou o que queríamos, já foi uma vitória.

A estratégia de vender uma tendência deu certo, assim como Nadia previu. Nós também tivemos sorte de dois terços dos jurados serem BNK48 fãs, então nós tivemos vantagem. Nós estávamos em uma disputa acirrada contra a equipe de cirurgia, que ganhou em segundo lugar com o seu show de comédia… Sim, legal, eles sabiam que eles eram engraçados, então eles agiram como comediantes de stand-up, só para ferrar tudo.

Resumindo, primeiro lugar, venderam sensualidade, os ganhadores. Em segundo lugar, venderam piadas, por pouco ganharam. Terceiro lugar, vendendo tendência, nosso departamento.

E para Anestesiologia, a beleza e ferocidade tiveram um pequeno erro de cálculo e perdeu para nós. Nós tivemos muitas juradas mulheres esse ano, então sua beleza e ferocidade provocou inveja e desdenho no júri. Tchau, tchau.

Por falar nisso, os residentes de pediatria foram exatamente como Nadia disse, venderam constrangimento. Eles receberam uma caixa de macarrão instantâneo. E inclusive, eu dei uma olhada e o sabor é o velho e simples de carne de porco.

“E a próxima coisa, agoraaaa…” o apresentador fala arrastado, “será o After Party. Venham, dance com o seu coração, para celebrar os primeiros cem dias da nossa residência. Deixe-me ouvir, o que vamos fazer juntos? Nós vamos…”

“Vamos. Formar. E. Nos. Esgotar. Juntos!!!”

A plateia responde em uníssono. Eu me pergunto quem criou um slogan desse… Então, a intro da música “Turn Up The Music” começa a tocar. Meus colegas residentes levantam imediatamente e começam a ir para a pista de dança na frente do palco. Nadia me cutuca. “Hey, vamos dançar.”

Eu recuso balançando a cabeça. “Não, obrigado. Estou esperando pelo meu querido Por para me buscar. Com licença, já vou indo embora.”

Nadia revira os olhos para mim. “Tudo bem então, vadia! Você tem um namoradinho, okay. Espera só pra ver, hoje à noite eu vou declarar para ele meus sentimentos.”

Essa frase me faz ficar confuso.

“Espera, o quê? Você vai se declarar? Pra quem? Por que não me contou nada sobre isso?”

Nadia contrai seu olhar com um ar demoníaco.

“Não contarei. Espere até ele se tornar meu namorado, e então você saberá. Oh, você não estava indo pra casa? Anda logo. Espere notícias boas minhas amanhã.”

Agora sou eu quem revira os olhos.

“Tudo bem… Já estou indo. Vou dormir um pouco. Oh,e Nadia…”

“Sim, o quê?”

“Obrigada por ganhar pra nós o terceiro lugar.”

“Não seja melodramático. Não foi nada, sério. Você esqueceu que nós vamos…”

“Vamos. Formar. E. Nos. Esgotar. Juntos!!!”

Eu grito em meio ao barulho no salão e observo Nadia correr para a pista de dança. Eu não faço ideia de quem seja esse homem misterioso que Nadia vai se declarar daqui a pouco. Mas eu desejo realmente que ele seja correspondido. Nadia é uma pessoa doce, ele merece coisas boas em sua vida.

Terminando meus pensamentos, eu me viro e saio do salão de auditório, deixando para trás o agitado e ensurdecedor, caos atrás de mim. Festejar significa muita diversão, eu sei, mas eu tenho quem eu amo, e que também me ama, me esperando chegar.

Recebo uma notificação de mensagem e pego meu telefone.

Por: Eu estou estacionado em frente ao prédio, você já pode descer.

Eu sorrio… viu? Quem eu amo também me ama e está esperando por mim.

………….

Meu celular toca à meia noite e meia.

Eu e meu amor fomos dormir em apenas 30 minutos. Eu nunca desligo meu celular. Eu apenas abaixo o volume para evitar acordar Por e mantenho perto do meu travesseiro, caso minha presença seja requerida no hospital em uma emergência. Mas hoje eu esqueci de abaixar o volume e acabou acordando ele também.

“Desculpe querido, pode voltar a dormir. Eu acho que é uma ligação do hospital.”

“Oi Nadia. Tudo bem?”

“…………………”

“Oi? Nadia? Diga alguma coisa. O que está acontecendo?”

“……….Hey………..”

A voz do outro lado da linha não parece muito legal, isso me preocupa. Algo ruim aconteceu? Ele se envolveu em algum acidente? Onde ele está? Está machucado?

“Hey, Nadia… você está bem, Nadia? Onde você está? Se machucou?”

“Machucado… machucado no coração… ele não me ama…”

Espera… o quê? Por que eu sinto que o conteúdo, o ritmo e o tom de suas respostas estão um pouco estranho?  O que isso significa? Machucado no coração?

“Nadia, você está bêbado?” eu pergunto.

“Nãããõooo. Você saaabe que eu nuuunca fico bêbado.”

Okay… aparentemente, Nadia está extremamente bêbado, julgando pelas suas respostas.

“Hey Nadia. Vamos lá, foque. Onde você está? eu vou te buscar.”

“No mesmo lugar. Ele não me ama, Tawan… não me busque. Eu posso voltar sozinho.”

“Nãããooo, você não vai conseguir voltar, eu aposto. Escuta Nadia. Fique aí. Eu vou estar aí em um instante. Muito rápido. Eu estou chegando pra te buscar. Não se mexa, não faça nada.

Eu. Estou. Indo. Te. Buscar.”

Depois de repetir, eu olhei para o meu querido Por…

……………….

Nota de rodapé

Let me take care of you – em tailandês “Hai Chan Du Lae Ther”, uma música do Ronnadet Wongsaroj (Namm).